Podem comemorar

 
Do Laerte, via post do Incautos
Anúncios

3 comentários em “Podem comemorar

  1. Parece-me muito improvável que seja uma mentira dos EUA. Seria fácil para Bin Laden mostrar que está vivo e colocar os EUA em um vexame histórico. Para que isso não acontecesse, só mesmo com um acordo entre as partes – o que é ainda mais improvável e sem sentido.

    Obama tem razão em não divulgar fotos. Se o fizesse, estaria agindo contra si mesmo. A imagem de Bin Laden morto seria rapidamente transformada em ícone, objeto de culto, motivação para luta, ou, no mínimo, para a crítica ao imperialismo norte-americano que joga direitos humanos no lixo quando bem entende.

    Agora, o medo disseminado, a paranóia, isso não acaba fácil. Com ou sem Bin Laden. O medo é uma nova forma de controle. Não tão nova, na verdade. Mas incrivelmente atual há exatos dez anos.

    RE: Verdade Rodrigo, também compartilho dessas inquietações. E é essa mesma a questão, não propriamente apenas o terrorista, mas toda essa “gestão do medo” (o quadrinho do Laerte foi muito bom!) desde 11/9, na qual Bin Laden é ao mesmo tempo causa e consequência.
    No mesmo post do Incautos há um quadrinho do Latuff com Obama e Bush lamentando no sepultamento de BL com a bandeira americana em cima do caixão. Isso tem muito significado. Não há reação sem os “reagentes” estarem devidamente dispostos, e nesse sentido, é interessante ver como o BL funcionou antes como elemento reagente e o que agora, sem ele, funcionará (o que o quadrinho do Laerte, brilhante, também supõe!)
    Abraço,

  2. Sem tirar nenhuma conclusão, acho tudo simpesmente estranho e injusticável.

    Che Gevara foi exposto ao mundo, após fuzilado, com os olhos abertos, posto sobre uma mesa, em imagens bem nítidas.

    Todas as “justificativas” para “esconder” as imagens do corpo de Ben Laden, inclusive o exame de DNA, apenas tornam a acontecimentos mais nebuloso.

    Realmente, é de causar arrepios.

    RE: Pois é, Patriarca, e inclusive esse foi o tema de um dos últimos posts: não há muito sentido em perguntar “se” BL deveria ou não ser exposto a público. É outra a questão: se toda manifestação de poder desde muito tempo sempre utilizou a imagem do derrotado para mostrar sua vitória, que tipo de manifestação agora se arroga o trunfo de não mostrar o trunfo?
    Veja-se que os EUA estão cercados em sua história recente de denúncias de mentiras sobre “evidências” nunca comprovadas.
    Todo vitorioso sempre expôs a imagem do derrotado, da derrota, para reforçar sua vitória. Agora, se não o mostra, outros devem ser os propósitos estratégicos e eles não se explicam apenas pelo “vamos criar uma relação violenta dos radicais”. Tal reação já ocorreu com ou sem imagem.
    Abraço,

  3. Uma notícia muito interessante sobre o assunto: http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/internacional/2011/05/09/ministro-iraniano-diz-ter-provas-de-que-bin-laden-morreu-por-doenca-ha-muito-tempo.jhtm

    Abraços!

    RE: Muito interessante! É a luta sobre o que o Robert Fisk disse, meio jogando verde, no primeiro artigo depois do ocorrido:
    “No seu devido tempo, a Al Qaeda nos dirá. Certamente, se todos estamos equivocados e era um dublê, veremos mais um vídeo do verdadeiro Bin Laden…e o presidente Obama perderá a próxima eleição.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s